Últimas Produções

A bicicleta verde

Baú da Princesa

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Hit Counter

free hit counter code
free search engine submission

Get your own Poll!
TugaTop - O melhor sitio para divulgares o teu site!
Locations of visitors to this page
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

Terça-feira, 15 de Julho de 2008

A bicicleta verde

 

    Não me lembro já de quando foi a ultima vez em que vi a bicicleta verde. Sei que nos passeávamos, as duas, tardes inteiras nela, independentemente de chover ou fazer sol e, assim foi, durante alguns anos...tu, eu e a minha velha bicicleta verde.

 

    Lembro-me bem dos teus grandes olhos, lembro-me bem deles a olharem-me com encantamento por entre a marrafa comprida do teu grande cabelo, grosso e castanho. Lembro-me dos ramos de flores que trazias sempre contigo, dos ramos com as flores de todas as cores e feitios que estavas sempre a apanhar por todo o lado.

 

    Há uns tempos, enquanto arrumava uns caixotes antigos encontrei algumas bonecas com que brincávamos, é provável que naquele caixote esteja alguma coisa que te tenhas esquecido, num qualquer final de tarde, por teres ido às pressas responder ao chamamento da tua mãe.

 

    Sei que não te esqueceste das histórias que inventava para ti, das histórias em que te dizia que voava e que conseguia falar com fadas. Sabes, tu acreditavas mesmo em cada uma das minhas palavras…se calhar a minha vontade de inventar histórias vem já dessas histórias de fadas, dessa nossa infância feliz e inocente.

 

    Talvez um dia consigamos editar os nossos livros e vende-los às dezenas, como um dia tínhamos projectado juntas.

 

    Hoje, não me acho já capaz de inventar aquele tipo de histórias, como também, não te acho tão crente ao ponto de acreditá-las como verdadeiras. Sabes, Inês, eu acho que se nos metessem agora bonecas à frente saberíamos ainda brincar com elas, apesar do verniz vermelho e dos saltos altos que já não usamos no faz de conta, mas no dia-a-dia.

 

   


publicado por Flá às 21:42

link do post | comentar | ver comentários (42) | favorito

Mais sobre mim

Pesquisa

 

Outubro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


tags

todas as tags

Favoritos

Uncensored

Links

Dá-me uma palavra...


blogs SAPO
RSS